fevereiro 02, 2009

Brasserie Irene Jardim - Porto



Fica mesmo ali ao pé do Café Piolho, entre a Praça dos Leões e o Jardim da Cordoaria. No número 17 da Praça Parada Leitão.
Um restaurante com um Projecto.
"Somente um sonho de espaço de comunhão", nas palavras da sua proprietária.
No entanto, Irene Jardim diz que o seu sonho só fará sentido se for apreciado por terceiros.
Este fim de semana tive o privilégio de o apreciar.
Irene Jardim não se contentou apenas em abrir um restaurante.
Quis criar um espaço de concretização do seu Sonho.
Disfarçou as cinco colunas existentes no local, com 5 painéis evocativos de figuras de portuenses que, no século XX, se destacaram no domínio amplo das artes e fez um inventário de tais personalidades publicando uma colecção de livros alusivos às mesmas.
Tais livrinhos, no final da refeição, foram oferecidos a todos os presentes.
"No Sonho cada um é só", mas foi muito bom partilhar o seu Sonho!
Recomendo! A todos os que acreditam em Sonhos!

9 comentários:

Carlos Alberto Silva disse...

Olá.
Gostei muito desse restaurante. Da decoração, do atendimento e também da comida. E então a sobremesa ... hum, uma delícia.
Pelo sítio e pela apresentação bem que merece ter mais clientes do que os que tinha naquele dia.

E a homenagem aos Grandes do Norte, quer nas paredes quer nos livrinhos que referes mostra alma e sensibilidade.

Recomendo

Vap disse...

Podes dar os Parabéns à Isa, pela escolha!

JLR disse...

Um local recomendável. Eu gosto.

Mary disse...

Reitero os comentários.
E o jantar e a companhia foram 5 estrelas!!

Vap disse...

Cinco estrelas a jantar! É vero!

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Já apontei na minha lista, para a próxima ida ao Porto!

paulofski disse...

Imagina que vou almoçar todos os dias ao Piolho ou ao Universidade que fica mesmo ao lado. Terei que ir lá apreciar o prato do dia.

Patti disse...

Estive lá mesmo ao lado e nem notei, que pena! Quando voltar ao Porto, darei uma espreitadela.

Virginia Vega Valdés disse...

Eu tive no pessoal a grande sorte de ter a coincidência de conhecer ao chef cuzinhero, Julien Jardim, nas belas ruas do Porto... Estava na procura duma galeria de arte, e ele mencionou-me que no seu restaurante tinham coisas muito interesentes sob o arte portuense. E foi assim que decidi visitar o Irene Jardim, e digo que tive a grande sorte, porque na verdade é um lugar no que pode-se notar e sentir mesmo a hospitalidade do pessoal tudo que alí está a nossa espera para render-nos o melhor serviço que pude encontrar na cidade do Porto. A comida é uma delicia, os vinhos da melhor qualidade, e é mesmo um local super agradável, bonito e cheio de historia para partilhar com a gente que tem a delícia de atender no aquel local.... Faço aqui então uma seria recomendação pra vocês não percam a oportunidade de ter uma experiência culinaria unica dos melhores pratos franceses e madeirenses ! Viva o Porto ! Cidade do meu coração, sendo eu mexicana...